A crescente onda do empreendedorismo jovem no Brasil

Acabou o tempo em que empresários de sucesso eram homens de cabelo branco, vestindo terno e gravata em grandes prédios. A nova cara do empreendedorismo no Brasil é jovem, veste tênis e comanda as empresas através de um computador.

Um pesquisa divulgada pela Global Entrepreneurship Monitor (GEM), em parceria com a London Business School, o Babson College e  no Brasil, Sebrae e o Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP), revelou que os empresários na faixa de 18 a 24 representam um número maior do que aqueles com mais de 35 anos.

Segundo um estudo de 2016 da Confederação Nacional dos Jovens Empresários (Conaje), realizado junto a Revista  Pequenas Empresas & Grandes Negócios, o perfil mais comum corresponde ao sexo masculino, com idade entre 26 e 30 anos e ensino superior completo. Desses, mais de 25% dos jovens empreendedores investiram em abrir uma nova empresa por identificarem uma oportunidade de negócio rentável, 25% sempre quiseram empreender e 18% buscaram mais independência através da primeira empresa.

A maior parte utiliza sites e redes sociais como principal forma de conexão com o mundo dos negócios, um reflexo da incorporação da tecnologia em todos os setores. Quanto ao sucesso das empresas, 48% acreditam que o segredo está em oferecer um produto/serviço diferenciado e apenas 24% apostam em uma equipe capacitada. Porém, entre os números, há um dado preocupante: mais de 86% não tiveram qualquer preparação para começar a empreender. Os problemas com a gestão começam com a financeira (30%) e de pessoas (27%) e atingem também o planejamento (25%).

Por isso, adquirir uma franquia é apontada como a melhor escolha para quem deseja abrir um negócio próprio, mas ainda não possui experiência em gestão. Administrar uma franquia é mais seguro do que começar do zero. Isso porque é um modelo de negócio previamente testado, com apoio e treinamento constante da unidade franqueadora. No Brasil, 16% das unidades franqueadas pertencem a jovens com menos de 30 anos, impulsionados pela liberdade de trabalhar em uma empresa rentável com rapidez no retorno do investimento inicial.

Por que iniciar um negócio abrindo uma franquia Delivery Much?

A Delivery Much entende os anseios do jovem empreendedor pois foi criada por universitários da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). A partir da ideia de amigos que se reuniam para fazer os trabalhos da faculdade, a Delivery Much teve início em 2011, na Incubadora Tecnológica da UFSM (ITSM). A ideia que começou pequena, virou sistema de franquia em 2015 e hoje, com sede própria, está presente em mais de 100 cidades, contemplando 18 estados.

É a primeira e única rede de franquias de Delivery Online do país,  um modelo inovador que une os dois setores em expansão no mercado nacional: a tecnologia e a alimentação. Por isso, a maior parte dos empresários do ramo possuem a mesma faixa-etária do público que desejam atingir, fazendo com que os objetivos sejam alcançados de forma mais rápida. Os franqueados recebem apoio contínuo, com um plano de negócios consolidado de retorno garantido. Toda a segurança que um jovem empresário necessita para iniciar o próprio negócio! Seja um franqueado Delivery Much.