Comidas mais pedidas em delivery

As comidas mais pedidas em delivery, tendências e ideias para seu negócio

Descubra quais são as comidas mais pedidas em delivery, quais as tendências do mercado para 2020 e como você pode melhorar seu negócio com estas ideias.


Se você acompanha nosso blog, já conhece a força do serviço de delivery de comida.

Segundo um estudo da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), o crescimento do número de pedidos via aplicativo de delivery gira em torno de R$ 1 bilhão a cada mês. Ou seja: o setor movimenta sozinho em torno de R$11 bilhões por ano no Brasil.

Um mercado dinâmico que muda de acordo com o comportamento dos consumidores e da sociedade no geral.

Por isso, é fundamental estar atento às tendências ligadas ao setor e buscar ideias de como implementar o delivery no seu negócio.

Para ajudar nesta tarefa, resumimos abaixo os tópicos mais importantes para quem trabalha ou quer trabalhar com delivery de comida. Confira:

MENU DE NAVEGAÇÃO
1 → As comidas mais pedidas em delivery no Brasil
2 → Tendências para o setor de alimentação em 2020
3 → 5 ideias de delivery de comida para seu negócio

1 → As comidas mais pedidas em delivery no Brasil

É verdade que o delivery nos proporciona uma infinidade de opções com apenas alguns cliques, mas algumas comidas são as queridinhas dos usuários. Confira abaixo as três mais pedidas no país:

1º – Pizza

Um dos alimentos mais consumidos no Brasil e no mundo. Além da variedade de sabores e combinações, a praticidade deste tipo de prato combina com o estilo de vida dos consumidores – principalmente os mais jovens.

2º – Hambúrguer

O hambúrguer vem conquistando o paladar dos brasileiros. A busca por experiências gastronômicas, com alimentos artesanais e de estilo gourmet e premium, é uma tendência que favorece a preferência pelo segundo colocado do nosso ranking.

3º – Esfiha

Assim como os hambúrgueres e seu estilo gourmet, as comidas étnicas também se enquadram na tendência da sensorialidade e da experiência gastronômica. Originária da Síria e do Líbano, a esfiha também é a escolha de quem busca sabores diferenciados sem abrir mão da praticidade.

Leia mais aqui: Os 5 alimentos mais pedidos no interior do Brasil

2 → Tendências para o setor de alimentação em 2020

O relatório Brasil Food Trends 2020 mapeou as características referentes ao setor de alimentação mais valorizadas pelos consumidores.

A partir delas, podemos ter uma ideia das tendências para este mercado para os próximos anos. Confira as principais:

1. Sensorialidade e Prazer

Os consumidores buscam cada vez mais por experiências gastronômicas. Isso pode ser sentido pelo aumento da oferta de alimentos gourmet, premium, delicatessen, étnicos e outros nichos de maior valor agregado.

Essa tendência também se reflete no aumento do interesse pela harmonização de alimentos e bebidas, além de novas texturas e sabores.

Motivadores

Segundo especialistas, o movimento está ligado, entre outros fatores, ao aumento do nível de educação, informação e renda da população.

2. Saudabilidade e Bem-estar

As novas experiências relacionadas à alimentação envolvem também consumidores cada vez mais preocupados com a saúde e a forma física.

Devido a isso, a demanda por produtos que sejam ao mesmo tempo saborosos e saudáveis é cada vez maior.

E dentro desta categoria, podemos citar a procura de alimentos diet ou light; alimentos funcionais (que apresentam benefícios no desempenho físico e mental, para a saúde cardiovascular e gastrointestinal, energéticos, relaxantes, etc.); produtos para dietas e controle do peso; alimentos com propriedades cosméticas e uma nova geração de produtos naturais (que, inclusive, tem se sobreposto ao segmento já conhecido dos produtos orgânicos).

Motivadores

A tendência está fortemente relacionada a fatores como o aumento da expectativa de vida, as descobertas científicas que atribuem determinadas doenças à alimentação e o aumento da renda da população.

3. Conveniência e Praticidade

Já falamos aqui no blog sobre como o ritmo de vida e as novas estruturas familiares modificam a forma como consumimos nossas refeições.

Esses fatores estimulam a procura por produtos que representem praticidade e economia de tempo.

Em função disso, alimentos de preparo fácil, pratos prontos e semiprontos, refeições em porções individuais e produtos minimamente processados continuarão sendo uma forte tendência para os próximos anos.

Os serviços de delivery entram nessa categoria, reforçando a necessidade de os negócios do setor de alimentação se adaptarem e oferecerem esta solução para os seus clientes.

4. Confiabilidade e Qualidade

Pelas tendências anteriores, você já deve ter percebido que os consumidores estão muito mais conscientes e informados sobre sua alimentação do que eram até pouco tempo atrás.

Esse é um movimento que tende a se fortalecer cada vez mais, com a valorização dos selos de qualidade e garantia de origem, assim como as boas práticas de fabricação e a rotulagem informativa.

Práticas indispensáveis para muitos consumidores, que as veem como um sinal de transparência e credibilidade da marca.

5. Sustentabilidade e Ética

A quinta tendência identificada no estudo está relacionada à preocupação ambiental e à possibilidade de contribuir para causas sociais, assim como auxiliar pequenas comunidades agrícolas por meio da compra de produtos alimentícios.

A preferência por embalagens recicláveis e recicladas, por produtos com baixo impacto ambiental e cruelty-free (sem maus-tratos aos animais) é cada vez maior.

Da mesma forma, percebe-se um aumento do interesse por produtos vinculados a causas sociais e com certificados de responsabilidade social.

Confira também: Tendências para o mercado de delivery no Brasil e no Mundo em 2019

3 → 5 ideias de delivery de comida para seu negócio

1. Delivery de marmita

Elas viveram seu auge no passado e, depois de um período sumidas dos escritórios, voltaram com tudo.

Atualmente as marmitas se tornaram a principal opção de muitas pessoas que desejam reduzir os gastos com alimentação sem abrir mão da qualidade da comida.

Como nem todo mundo tem tempo ou gosta de cozinhar, os deliverys de marmitas se tornaram uma próspera oportunidade de negócio.

E se engana quem pensa que o mercado está saturado! Há espaço para todo mundo que souber oferecer um serviço diferenciado e focado nas tendências explicadas acima.

Os mercados de nicho, como de alimentação fitness, pratos para quem tem restrições alimentares ou mesmo de comidas étnicas conquistam cada vez mais o paladar dos brasileiros.

Mas se o seu negócio é o tradicional feijão com arroz, busque destacar os motivos pelos quais a sua marmita é a melhor escolha.

2. Lancheria delivery

Da mesma forma que os restaurantes, as lancherias podem tirar proveito da estrutura que já possuem para investirem no delivery.

Se o movimento na sua lanchonete é fraco durante a semana, você tem mais um motivo para investir nesse modelo. O delivery é uma estratégia simples e que pode aumentar consideravelmente o número de pedidos nesses dias.

Leia também: Delivery online: conheça essa tecnologia e suas vantagens

3. Food truck com delivery

A onda dos food trucks chegou há algum tempo com uma proposta diferenciada e caiu no gosto dos brasileiros.

O modelo, normalmente, possui um potencial de lucro alto, porém também conta com algumas desvantagens.

A maior delas é ser vulnerável ao clima, como dias de chuva, de muito calor ou frio intenso. Esse fator acaba afastando os clientes e pode representar um risco à saúde financeira do empreendimento.

E para contornar isso, o delivery é uma alternativa. Se a previsão do tempo não colaborar, você pode levar o seu produto até os clientes.

4. Delivery de congelados

Você trabalha com alimentos congelados? Tem espaço no delivery para você também.

Essa tem sido uma opção muito buscada por pessoas que não gostam ou não tem tempo de cozinhar e querem ter um prato saboroso e prático sempre por perto.

Aposte no delivery para ampliar o seu público ao mesmo tempo em que elabora estratégias para fidelizá-lo.

Combos de pratos prontos para toda a semana é uma boa alternativa, já que o cliente pode ter contato com diversos produtos e você garante um aumento no ticket médio de cada cliente.

5. Delivery de confeitaria

Você trabalha com confeitaria e ainda não investe no delivery? Saiba que esta alternativa pode adoçar ainda mais o seu negócio.

Assim como nos outros exemplos que citamos anteriormente, as confeitarias também se beneficiam ao atingir uma clientela fora da sua região e um público com hábitos de consumo diferenciados.

Já tem um negócio e quer investir no delivery com o maior player do mercado no interior do país? Confira aqui como funciona a Delivery Much e seja dono de uma franquia sua cidade.

Você também pode se interessar por:
Como tornar meu negócio digital?
Delivery Much Entregas
Por que sua cidade tem potencial para ter um delivery online de comida