5 casos de empreendedores de sucesso que inspiram

A habilidade de enxergar oportunidades pode dar origem a novos negócios ou promover revoluções em empresas que já existem. Entretanto, para que as ideias saiam do papel, os empreendedores de sucesso precisam ter iniciativa e saber lidar com a possibilidade do fracasso.

Este artigo é para quem está disposto a trabalhar duro e desenvolver um novo projeto, mas ainda tem algum receio. Reunimos casos inspiradores para você se motivar e seguir em frente. Confira!

1. Steve Jobs

Depois de largar a universidade e trabalhar por algum tempo na fabricante de vídeo-games Atari, Jobs fundou a Apple em 1976, ao lado de três colegas. Para financiar seu primeiro produto, o computador Apple I, ele fechou acordo com um lojista e usou o recibo do pedido como única garantia para os fornecedores de peças.

A equipe conseguiu fabricar 50 unidades da máquina em apenas 30 dias, vendendo cada uma por US$500. Nas décadas seguintes, a Apple notabilizou-se por criar equipamentos revolucionários. Jobs também foi um dos responsáveis pelo sucesso da Pixar, estúdio de filmes como Toy Story e Os Incríveis.

2. Abilio Diniz

Um dos empreendedores brasileiros mais conhecidos, Diniz formou-se em administração e seguiu os conselhos do pai para abrir seu primeiro supermercado em 1959. A persistência o fez resistir às diversas crises econômicas pelas quais o Brasil passou.

As dificuldades enfrentadas ao longo da carreira foram superadas com soluções práticas e corajosas, por vezes desafiando todas as previsões. Além de ser sócio do grupo Pão-de-Açucar, Abílio Diniz esteve envolvido com empresas como: BRF, Ponto Frio e Casas Bahia.

3. Silvio Santos

Dificilmente encontraremos um brasileiro que nunca tenha ouvido a voz ou visto o rosto de Senhor Abravanel, o Silvio Santos. Ele é uma grande representação de perfil empreendedor, com ideias criativas e disposição para enfrentar riscos.

Sua primeira empreitada foi com a venda de capinhas para títulos de eleitor. Depois de receber oportunidades em emissoras de rádio, Silvio passou a vender bebidas e realizar bingos nas barcas que cruzavam a Baía de Guanabara.

O icônico Baú da Felicidade, fundado por Manoel da Nóbrega, passava por dificuldades em 1958. Tudo mudou quando Silvio assumiu o negócio e o expandiu, dando origem ao Grupo Silvio Santos. O que veio depois todos nós sabemos.

4. Luiza Helena Trajano

Luiza Trajano é um bom exemplo de empreendedorismo feminino. O Magazine Luiza já era uma empresa em expansão quando ela assumiu o comando, na década de 1990. Porém, a descentralização de poder promovida por ela evitou que os egos familiares prejudicassem o crescimento da rede.

Um de seus méritos é a implantação do primeiro modelo de comércio eletrônico do mundo. Os terminais multimídia utilizados pelo Magazine Luiza foram o embrião do conceito de loja virtual. Hoje a empresa possui um dos maiores sistemas de e-commerce do Brasil.

5. Alexandre Costa

O fundador da Cacau Show começou vendendo ovos de Páscoa de porta em porta, quando tinha apenas 14 anos. A empresa foi aberta três anos depois e hoje é uma marca prestigiada, mostrando o potencial das franquias no mercado nacional. O faturamento da Cacau Show ultrapassa 100 milhões de reais por ano, fruto da união entre determinação e planejamento.

Gostou do conteúdo? Então chegou a hora de espalhar o conhecimento! Compartilhe este post nas redes sociais para que seus amigos conheçam a trajetória desses empreendedores de sucesso. E se você procura oportunidades para empreender em um negócio inovador, conheça a Delivery Much, a primeira e única franquia de delivery online do país.