marketing digital para franquias

Entenda a importância do marketing digital para franquias

Para crescer rápido é preciso investir em marketing. Neste artigo entenda como fazer marketing digital para franquias e alavancar seus resultados! Prefere ouvir? Clique no player abaixo e ouça o podcast do artigo:

 

 

Hoje, qualquer pessoa consegue encontrar marcas que resolvam seus problemas e necessidades com apenas alguns cliques. Isso é surpreendente se pensarmos que, há poucas décadas, a busca por essas informações, quando não pelo boca a boca direto, estava restrita a recursos físicos, como catálogos, prospectos e revistas, não é mesmo?

No contexto do franchising, o inegável espaço que as redes de informação tomaram na sociedade não deve ser negligenciado. Pensar em marketing digital para franquias é um cuidado essencial. Cada dia mais, aumenta o volume de dados disponíveis, e o que toda franqueadora quer é que o seu nome seja o primeiro em relevância na busca dos clientes.

Neste post, você vai entender um pouco mais sobre marketing na internet e por que franqueados e franqueadores não podem abrir mão da presença digital.

Acompanhe a leitura e descubra:

1 – O marketing digital como ferramenta de conversão
2 – Como usar o marketing digital para franquias
3 – Franqueadora e franqueado: convergência para conquistar usuários
4 – Dicas de marketing digital para franquias

 

O marketing digital como ferramenta de conversão

Há pouco mais de dez anos, o CEO da Bizzuka, John Mussell, proferiu um pensamento que, cada vez mais, vem se confirmando no marketing:

 

“Se o conteúdo é o rei, então a conversão é a rainha”.

 

Não existe marketing digital sem conteúdo e conversão. Esses dois termos são interdependentes numa estratégia de divulgação online. Em síntese, o processo é assim: através da oferta de informação relevante (conteúdo), as empresas buscam se comunicar com seus públicos de interesse de modo efetivo e significativo, motivando a aquisição de produtos ou serviços (conversão).

Essa aproximação e personalização que o marketing digital oferece cria um cenário positivo para estimular que usuários se tornem clientes. Ou seja, esse tipo de marketing é, de fato, uma estratégia focada em converter. Mas é claro que, para que isso funcione, um plano será necessário. A seguir, vamos falar sobre isso.

 

Como usar o marketing digital para franquias

Inicialmente, é essencial que os investimentos desse tipo sejam estudados pela empresa, de modo a fazer parte da cultura da rede. E o desenvolvimento e os recursos necessários para executar campanhas precisam ser contemplados no planejamento do fundo de marketing da franquia.

As informações direcionadas à estratégia têm de ser estruturadas pela equipe de comunicação em um documento que possa ser revisitado e atualizado constantemente. Assim, será possível monitorar os resultados alcançados e aquilo que ainda precisa ser feito. Tudo com base em objetivos e metas.

A melhoria de resultados possibilitada pelo marketing digital já é impactante no franchising. Não é a toa que as microfranquias online estão despontando e o marketing digital vem aparecendo não só como estratégia de comunicação, mas como serviço oferecido por várias franqueadoras.

Porém, para que o marketing digital seja usado com eficiência e possa se tornar até mesmo o foco de negócios de uma franquia, é importante que franqueado e franqueadora estejam alinhados.

 

Franqueadora e franqueado: convergência para conquistar usuários

A franqueadora é a responsável pela estratégia de marketing da rede nos meios digitais. É a administração central que deve criar o trabalho de comunicação sobre o qual falamos anteriormente.

A organização de conteúdos e campanhas para os diversos canais (blog, site, e-mail marketing, redes sociais, aplicativos) depende dessa estrutura de suporte, que é essencial para direcionar os franqueados e unificar o discurso do negócio, onde quer que seja replicado. Aqui, o foco é uma visibilidade global.

Já o franqueado terá o compromisso de assimilar os processos e, então, monitorar a presença web da própria unidade e, assim, seu direcionamento é a visibilidade local. Ou seja, com base nos princípios da rede, o empresário terá o papel de criar conteúdos focados para os canais da sua unidade e oferecer informações relevantes para os clientes atendidos por ela.

Esse trabalho entre as duas pontas deve ser convergente, como um fluxo circular, que se repete e ao mesmo tempo se renova.

Um exemplo de estratégia recomendada a todo franqueado para melhorar essa relação é usar o Google Meu Negócio, ferramenta que indexa empreendimentos através do upload de dados locais. Esse recurso orienta os clientes à procura da marca e também serve como um dado de referência para que a própria franqueadora catalogue mais facilmente os negócios da rede.

 

Dicas de marketing digital para franquias

O objetivo do marketing via web, como você viu, é aproximar empresas de negócios a partir de um plano que contemple conteúdo e conversão. E para franquias, o comportamento correto é que franqueadora e franqueado trabalhem com comunicação alinhada.

Agora, veja algumas dicas básicas que toda rede priorizar para implementar essa estratégia:

  • ter um site institucional responsivo e atrativo;
  • manter um blog atualizado, com conteúdo relevante e criado a partir de boas práticas de Search Engine Optimization;
  • enviar newsletter rica, focada nos interesses da persona;
  • usar métricas para criar e monitorar campanhas.

Além disso, é importante entender que toda publicação tem uma finalidade. Logo, nem tudo que a franqueadora lançar, em nível global, será diretamente relacionado às unidades. Da mesma forma, em nível local, o franqueado também terá de lançar mão de estratégias mais focadas na sua área de abrangência. Tudo, é claro, sem destoar dos objetivos da empresa.

O marketing digital para franquias é um assunto abrangente, e, hoje, você viu por aqui algumas linhas gerais de como essa estratégia influencia no ramo de franquias. Que tal ampliar ainda mais seu conhecimento sobre o assunto?

No post “O que é marketing digital e por que ele é essencial para seu restaurante”, disponibilizamos ainda mais informações relacionadas ao tema. Boa leitura!

 

Empreender no interior