redes sociais para restaurantes

5 estratégias em redes sociais para restaurantes

Uma das atividades mais eficazes do marketing digital são as redes sociais. Além promotoras da marca, geram engajamento orgânico, tornando mais simples fazer campanhas e construir uma base de clientes recorrentes. Neste conteúdo aprenda 5 estratégias para gerenciar as redes sociais do seu restaurante:

A implacável revolução do marketing digital nas últimas décadas é um caminho sem volta. No segmento alimentício, o impacto é indiscutível. Cada vez mais é importante que os serviços de alimentação construam presença web para conquistar clientes e promotores para suas marcas.

E a cereja do bolo dessa transformação no modo de chegar até os consumidores está no uso de plataformas como Facebook, Instagram, LinkedIn e Twitter. Criar estratégias em redes sociais para restaurantes é um elemento-chave de um bom planejamento de marketing digital.

Quer saber como usar esses recursos para aperfeiçoar a comunicação entre o seu empreendimento e os potenciais clientes? Neste post, vamos falar sobre a importância do assunto e mostrar 5 estratégias para você usar nas redes sociais do seu estabelecimento.

Acompanhe os tópicos:

1. Por que as redes sociais são importantes?
2. Em quais redes sociais devo estar?
3. Estratégias em redes sociais para restaurantes
4. Monitore as redes sociais
5. Revele os bastidores

1. Por que as redes sociais são importantes?

Inicialmente, entenda que as plataformas sociais são pré-requisitos do marketing online. Usando-as para estabelecer o tom de voz da sua marca, você consegue conversar com diversos potenciais clientes e assim ampliar a visibilidade do negócio.

Brian O’Connor, escritor de finanças, estratégia de negócios e marketing digital, sintetiza a relevância das redes sociais para o segmento de alimentação no contexto atual:

“A mídia social para restaurantes é uma oportunidade gratuita com sério potencial de marketing que todo dono de restaurante deve aproveitar.”

Diferentemente dos formatos offline, que envolvem custos altíssimos, as mídias sociais oferecem uma significativa redução de gastos, especialmente porque a criação de páginas e perfis é totalmente sem custos. Além disso, as possibilidades de interação direta com o público e monitoramento de dados faz com que seja possível executar anúncios e campanhas cada vez mais interessantes para nichos específicos de consumidores.

Ou seja, as redes sociais oferecem aos negócios a chance de exibir marcas e produtos, aproximar o público e construir uma estratégia de divulgação sem barreiras de tempo e espaço e com agilidade. E tudo sem gastar fortunas.

2. Em quais redes sociais devo estar?

Segundo o estudo Digital In 2018, já são mais de 4 bilhões de usuários de internet no mundo, sendo que, dentre eles, 3,2 bilhões estão ativos nas redes sociais (ou seja, 42% da população mundial!). Com o aumento da penetração da tecnologia e o maior acesso a dispositivos, as mídias online devem continuar em ascensão, oferecendo ainda mais oportunidades para os empreendedores.

Dito isso, no setor de alimentação, Instagram e Facebook são redes relevantes. Veja algumas linhas gerais para entender o papel dessas plataformas numa estratégia de marketing digital:

Facebook

A fanpage deve ser uma central de apresentação do negócio. Logo, nessa mídia o objetivo é centralizar informações que garantam que o restaurante seja encontrado pelo cliente. Além disso, o Facebook Messenger é um ótimo aliado para conversar com os consumidores sempre que eles precisarem.

A página deve disponibilizar dados como endereço (mapeado por geolocalização), telefone e e-mail para contato, horários de funcionamento e faixa de preço. Já no feed, o foco deve ser publicar conteúdo relevante para a persona, podendo conter uma mescla entre posts promocionais e informativos/institucionais.

Instagram

Apesar de o Facebook também se beneficiar das imagens, é no Instagram que o formato visual se destaca. O principal atrativo da rede para conquistar os usuários é o planejamento de um feed que dê água na boca.

Por meio do Instagram, os restaurantes podem explorar menus de diversas maneiras, como fotografias em alta definição (detalhadas, ao estilo food porn), vídeos, gifs e boomerangs. O perfil também deve, é claro, canalizar dados gerais do negócio.

LinkedIn, Twitter e Pinterest são outras opções de mídias sociais em que também é possível fazer um trabalho interessante. Para definir as redes certas para um negócio, é preciso entender aquilo que é interessante para a persona e montar um planejamento de pauta coerente.

3. Estratégias em redes sociais para restaurantes

Agora que já falamos sobre a relevância das mídias sociais para divulgar seu empreendimento, veja 5 dicas para alcançar resultados eficazes usando as plataformas:

1. Interaja com o público

Sabe aquele sentimento bom de quando você deixa um comentário para a marca que curte e recebe um retorno bacana? É justamente isso o que os clientes vão sentir quando perceberem que o seu restaurante se importa em dar retorno. Por isso, para conquistar seus consumidores, a regra é interagir. Comece agora mesmo: comente, curta e compartilhe.

2. Estimule o social paying

Uma das principais inovações que o marketing online oferece é a possibilidade de o consumidor se envolver com a marca por meio de reposts, comentários e compartilhamentos.

O melhor cenário possível é se essas ações de “pagamento social” ocorrerem de maneira orgânica, sem que haja necessidade de pedir algo ao usuário. No entanto, isso não impede que a empresa estimule o engajamento da audiência. Afinal, criar postagens que oportunizem esse engajamento é uma ótima forma de fidelizar clientes.

3. Invista na qualidade do conteúdo

O material divulgado nas redes sociais para restaurantes, independentemente do formato, deve ser bem estruturado. Com a imensa quantidade de conteúdo que circula diariamente nas redes, as marcas que se destacam são aquelas que investem em produções impactantes.

E quando falamos em alimentação, as fotos de comida brilham. Investir em imagens bonitas e com boa resolução é essencial para valorizar o seu cardápio.

4. Monitore as redes sociais

De nada adianta planejar uma estratégia de marketing digital, mas não entender como ela está performando. Afinal, mesmo que o gasto seja menor nas redes sociais, isso não significa que você possa ignorar a necessidade de investir com objetividade.

Para se certificar de que os resultados almejados foram atingidos, é preciso estipular alguns indicadores-chave de performance, seja de investimento, como o ROI, seja de engajamento, como a incidência de hashtags.

5. Revele os bastidores

Quando um restaurante tem um prato famoso, a curiosidade para saber o que ele tem de tão especial reina entre os consumidores. Que tal usar esse apelo como um argumento de vendas?

Aproxime seus processos do público fazendo postagens que mostrem a transparência e o cuidado da marca com a produção daquilo que chega até a mesa dos clientes. Essa é uma estratégia para melhorar a reputação do empreendimento.

Saber como usar redes sociais para restaurantes é um imperativo em um contexto em que o marketing digital vem se consolidando como a melhor forma de aproximar negócios e clientes. Não deixe de se atualizar em conteúdos desse tipo para melhorar a performance da sua empresa.