Skip to main content
ideias de negocios digitais

6 Ideias de negócios digitais para empreender

Rate this post

Quer inspiração para dar início ao seu empreendimento digital? Confira 6 ideias de negócios para colocar em prática seu conhecimento sobre empreendedorismo digital.


Se você chegou neste artigo buscando ideias de negócios digitais, então provavelmente tem perfil de empreendedor e sabe identificar uma boa oportunidade de negócios.

Então, chegou a hora de colocar os seus conhecimentos em prática! Confira abaixo algumas das possibilidades que podem ser exploradas no universo digital.

1 – SaaS – Software como serviço

2 – Fintechs

3 – E-commerce

4 – Cursos online

5 – Marketing digital

6 – Franquias

1 – SaaS – Software como serviço

Até pouco tempo atrás, a aquisição de um software era uma tarefa complicada. Além da compra e do pagamento das licenças, também existiam as taxas de manutenção e atualização das soluções, que podiam ser bastante elevadas.

Pensando nisso, muitas empresas investiram no desenvolvimento de softwares como serviço. Desta forma, o programa fica armazenado na nuvem e você pode acessá-lo, e utilizá-lo sem precisar instalar no seu computador. Além disso, o custo de utilização é muito menor. É possível acessá-lo de qualquer lugar e customizá-lo de acordo com as necessidades de cada cliente.

Provavelmente você utiliza várias soluções deste modelo: sistemas de controle financeiro, de comunicação, antivírus, streamings de filmes…

Exemplos não faltam! Esta é uma tendência que veio para ficar e pode ser sua porta de entrada no empreendedorismo digital.

2. Fintechs

Você se interessa pelo mercado financeiro? Então a fintech pode ser o modelo certo para você. Este tipo de negócio nasceu para bater de frente com os modelos tradicionais financeiros, conhecidos por seus juros abusivos, pela burocracia extrema e pelo serviço de atendimento quase sempre precário.

E este mercado ainda tem muito fôlego para crescer. As pessoas (tanto físicas quanto jurídicas) são atraídas por serviços que facilitem o seu dia a dia. Com a tecnologia avançando cada vez mais, ainda há muito espaço para o surgimento de novos modelos.

3. E-commerce

Este é o modelo mais buscado por quem está começando a desenvolver o seu empreendimento online, principalmente, pela facilidade de criar uma loja online em plataformas específicas para este fim (olha o SaaS aqui!).

Só em 2018, a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico projetou um faturamento de 69 bilhões de reais no setor em 2018, um crescimento de 15% em relação ao ano anterior. Para 2019, o crescimento estimado é de 16%, com um volume de vendas de R$ 79,9 bilhões.

Quem pretende investir neste setor deve ficar atento às demandas dos consumidores. Com tantas opções disponíveis, eles se tornam cada vez mais seletivos em relação ao padrão dos produtos, do atendimento, do processo de produção e da logística.

4. Cursos online

Você é especialista em algum assunto ou tem algo a ensinar? Então invista na criação de cursos online! A demanda por este modelo de ensino cresceu muito nos últimos anos. No ranking de países que mais acessa sites da categoria de educação o Brasil ficou em segundo lugar, atrás apenas dos Estados Unidos.

Além da comodidade de poder desenvolver novas competências e se atualizar sem sair de casa; o aluno também paga um valor muito mais baixo em relação aos cursos presenciais.

Para o produtores de conteúdo, as vantagens também são gigantescas: uma vez produzido o conteúdo, ele é facilmente escalável, já que as aulas não precisam ser gravadas novamente a cada novo pedido.

5. Marketing digital

Já falamos algumas vezes aqui no blog sobre a importância do marketing digital. Existe um leque de oportunidades a serem exploradas, como a oferta de conteúdo de qualidade para educar, entreter e informar o público.

As empresas já entenderam isso, mas nem sempre têm as ferramentas necessárias para produzir este conteúdo. E é aí que o seu negócio pode entrar.

Empresas de marketing digital trabalham para construir relacionamentos entre as marcas de seus clientes e os consumidores.

O mercado a ser explorado é vasto, já que o número de empresas que buscam implementar este tipo de estratégia só cresce. E, como dissemos anteriormente, os clientes estão cada vez mais exigentes e sentem quando as empresas estão comprometidas a oferecer o melhor.

6. Franquias

Por fim, um dos modelos de negócio digital que cresce cada vez mais no Brasil são as franquias.

Somente no terceiro trimestre de 2018, as franquias movimentaram R$ 44,7 bilhões segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF). Para 2019, a estimativa é de um aumento de 8 a 10% no faturamento.

Além de ser financeiramente mais acessível, as franquias possibilitam que os franqueados contem com o know-how qualificado dos franqueadores e a garantia de investirem em um negócio já validado.

A Delivery Much, a maior franqueadora de delivery do interior do país, é um exemplo franquia para quem deseja ser dono do seu próprio negócio digital e empreender com segurança e suporte .

Quer ser um empreendedor digital? Confira mais dicas em nosso conteúdo especial: “Empreendedorismo digital: o que é, vantagens e por que apostar no modelo“.