Marketing-local-para-pequenos-negocios

A importância do marketing local para pequenos negócios

Investir em ações para atrair potenciais clientes locais é uma estratégia fundamental para alavancar o crescimento dos pequenos negócios.


Dados da consultoria Coherent Marketing apontam que, até 2027, os negócios locais irão “salvar” a indústria. Muito disso se dá pelos movimentos focados em ajudar o pequeno negócio e também pelos grandes players do mercado que investem no marketplace, como as lojas Americanas e a Magazine Luiza.

No Brasil, a representatividade dos pequenos negócios chama a atenção. Um estudo elaborado pelo Sebrae em parceria com a FGV indicou que eles já representam 30% do Produto Interno Bruto brasileiro. Eles também respondem por grande parte do número de carteiras assinadas do país.

Como em qualquer negócio, os pequenos empreendedores entendem a necessidade de investir em ferramentas que o coloquem em destaque frente à concorrência e impulsionem o seu crescimento, como é o caso do marketing local. Por isso, confira abaixo como o seu negócio pode se utilizar dessa ferramenta para potencializar as vendas, fortalecer a sua marca e não perder para concorrências externas em seu próprio território. 


MENU DE NAVEGAÇÃO
1 → Conceito de marketing local
2 → Como divulgar um negócio local
3 → Como usar os marketplaces a seu favor
4 → Por que usar essas estratégias no seu negócio?


1 → Conceito de marketing local

Podemos definir marketing como o conjunto de ações estratégicas para promover um serviço ou produto a fim de conquistar clientes e aumentar o número de vendas.

O marketing local segue a mesma linha, mas a promoção é focada na segmentação geográfica. Em outras palavras, o objetivo é atrair quem está perto do seu negócio.

O empreendedor conta com o diferencial de estar inserido no mesmo contexto cultural e econômico dos seus clientes. Por isso, investir em iniciativas para atingir pessoas que trabalham ou residem no entorno de um pequeno negócio é essencial para o seu crescimento.

Com estratégias direcionadas, você aumenta as chances de conectar a solução com potenciais consumidores que de fato veem valor no que você tem para oferecer. 

2 → Como divulgar um negócio local

Invista na segmentação do seu público

Trabalhar de forma local já é uma forma de segmentar o seu público, mas é preciso ir além. Nem todas as pessoas que estão no entorno do seu negócio vão se interessar por seus produtos ou serviços, então é preciso definir bem a sua persona e ancorar nela toda a sua estratégia de marketing.

Tenha seus objetivos de marketing bem definidos

Estabelecer objetivos e metas realistas é essencial para qualquer campanha de marketing. É preciso saber onde você quer chegar em quanto tempo para definir qual é o melhor caminho a seguir. 

Invista em ferramentas do marketing digital

É comum que o marketing local seja relacionado apenas às mídias tradicionais, mas o marketing digital é um grande aliado para potencializar resultados. Além de investir em buscadores locais e trabalhar com anúncios segmentados para pessoas que realmente se encaixam no seu perfil, você também pode investir em plataformas como Google Meu Negócio (que permite que informações sobre o seu negócio — como endereço, telefone e horário de funcionamento — sejam facilmente encontradas no Google).

Leia também: 8 estratégias para fazer SEO local para pequenos negócios

Aposte em geomarketing

Já aconteceu com você de passar em frente a uma loja e, logo depois, receber um anúncio ou uma oferta no seu celular? Isso é possível através do recurso de geolocalização usado em estratégias de geomarketing. Através de ações como essa, os negócios consegue interagir com seus consumidores ideais no melhor momento possível: quando sua distância é de apenas alguns passos.

3 → Como usar os marketplaces a seu favor

Marketplaces são plataformas colaborativas que reúnem pequenos negócios de diversos tipos com o objetivo de atingirem o maior número possível de clientes. Alguns dos mais conhecidos no Brasil são a Amazon, o Mercado Livre e o Elo7.

Durante a pandemia, os marketplaces foram a salvação de muitos pequenos negócios que não possuíam plataformas digitais para seguirem operando em meio às medidas restritivas. 

Fazer parte desses “shoppings virtuais” é uma alternativa interessante para empresas que não tem experiência ou não podem realizar grandes investimentos financeiros.

O desenvolvimento de um site e a divulgação, detalhes importantes para qualquer e-commerce, podem ser muito elevados dependendo da realidade do negócio. Em um marketplace esse tipo de preocupação não é necessária, e o negócio ainda se insere em uma plataforma que já possui credibilidade junto aos consumidores.

Buscar um marketplace pode ser uma estratégia interessante para negócios locais investirem no reconhecimento de sua marca em um ambiente que tem um alto fluxo de visitantes. Além disso, o empreendedor consegue acompanhar suas métricas na plataforma, o que o ajuda a definir melhores práticas, falhas a serem corrigidas e tendências que podem agregar valor ao negócio.

4 → Por que usar essas estratégias no seu negócio?

Trabalhar o marketing local é uma forma de destacar um dos principais atributos dos pequenos negócios: o sucesso do cliente.

Os pequenos negócios conseguem investir na satisfação dos clientes como ninguém. Além da proximidade física, esse modelo permite que o atendimento seja feito de forma personalizada. Isso transmite ao público que o seu negócio está atendo às necessidades dos clientes e se preocupa em oferecer o melhor.

Um ponto importante de se observar é que as pessoas muitas vezes preferem privilegiar os negócios da sua região. O acesso é mais fácil e mais rápido — e quem não gosta de economizar tempo hoje em dia?

Dentre essas pessoas, certamente várias estão buscando exatamente pela solução que você tem a oferecer. Se o seu negócio está munido com a estratégia correta, as chances de conquistar e fidelizar cliente é muito maior.


Leitura complementar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *