10 ideias de clube de assinatura para food service

10 ideias de clube de assinatura para food service

Modelo de negócios que conquista cada vez mais clientes, os clubes de assinatura podem ser uma aposta lucrativa para o setor de food service em 2021.


Criado nos EUA por volta de 2009, o modelo de clubes de assinatura chegou ao Brasil em 2011 e, após uma expansão lenta, hoje é considerado um dos mais promissores para os próximos anos.

Desde o início da pandemia, a procura por esse tipo de serviço aumentou consideravelmente, o que também despertou o interesse dos empreendedores. Cerca de 800 novos clubes surgiram no mercado, que tem espaço para os mais diversos segmentos.

Os clubes de assinatura seguem o mesmo conceito das conhecidas assinaturas de jornais e revistas: mediante pagamento recorrente, os assinantes recebem periodicamente os produtos em casa. Eles são uma forma de o cliente repor itens de uso frequente de forma prática, bem como de buscarem experiências diferenciadas através de novos produtos e marcas.

Além da economia de tempo, uma das principais vantagens é a economia de dinheiro, já que o modelo pode contar com preços abaixo dos praticados no mercado e com qualidade igual ou superior.

O mercado de alimentação já possui exemplos bem sucedidos, como clubes de vinhos ou de alimentos especiais e gourmet, mas as possibilidades são inúmeras.

Para ajudar você a investir neste mercado, reunimos aqui algumas ideias de clubes de assinatura voltados para o mercado de food service. Confira:


MENU DE NAVEGAÇÃO
1 → Assinatura mensal, trimestral, semestral ou anual
2 → Marmitas saudáveis
3 → Sobremesas
4 → Pizza
5 → Hambúrguer
6 → Vinhos
7 → Cerveja
8 → Clube da carne
9 → Comidas vegetarianas e veganas
10 → Restrições alimentares


1 → Assinatura mensal, trimestral, semestral ou anual

Antes de definir a periodicidade da assinatura, é preciso analisar o conceito do seu clube de assinatura, o tipo de produto vendido e o perfil dos consumidores.

Enquanto clientes de uma pizzaria podem querer uma assinatura trimestral, talvez para um clube do vinho faça mais sentido uma assinatura semestral ou focada nos meses de inverno. Mas isso não é regra: talvez alguns clientes prefiram receber pizzas todos os meses durante um ano enquanto outros optam por assinar um clube do vinho por apenas um ou dois meses no ano.

Oferecer essa flexibilidade é um diferencial para chamar a atenção de vários perfis de clientes, que podem personalizar a assinatura conforme a sua necessidade. Mas atenção: isso também exige um planejamento bem estruturado para evitar falhas de entrega e frustração dos clientes. A facilidade de migrar de um plano para outro, pular ou antecipar um envio e cancelar a assinatura também são essenciais para a fidelização dos assinantes.

2 → Marmitas saudáveis

A ideia aqui é combinar três fatores que tem tudo para funcionarem juntos: as marmitas, que têm a preferência de muitos brasileiros por serem uma opção de refeição mais barata (principalmente para quem trabalha fora); a saudabilidade, que é uma das principais tendências para o mercado de alimentação para 2021; e os clubes de assinatura, que deixam essa dinâmica ainda mais fácil.

Em um clube de assinatura de marmitas saudáveis é possível fazer diferentes combinações de pratos com envios semanais, quinzenais ou mensais para a casa do assinante.

Dependendo da sua estrutura, é possível disponibilizar tanto um cardápio fixo para os clientes quanto cardápios surpresa.

3 → Sobremesas

Durante a pandemia, bolos, doces e tortas foram alguns dos itens de confeitaria mais pedidos por delivery. Investir em um clube de assinatura de sobremesas voltados para essas confort foods pode ser uma alternativa rentável mesmo depois que a pandemia acabar.

Você pode investir tanto em sobremesas tradicionais quanto em doces finos; tudo vai depender do público que você pretende atingir. Essa escolha também deve estar ligada à região que você pretende atender: se for um negócio local, é possível investir em opções que não resistiriam bem a viagens longas (como para outros estados), mas se você deseja expandir para todo o país, talvez seja melhor trabalhar com doces secos e embalados (como chocolates, por exemplo).

4 → Pizza

É claro que um dos alimentos mais consumidos do país também merece um clube de assinatura para chamar de seu. Ainda que o mais comum seja pedir uma pizza por delivery na hora que dá vontade, o clube pode oferecer vantagens e diferenciais para aqueles clientes que já são mais assíduos.

Você pode oferecer descontos, vouchers, pizzas cortesia e um cardápio de sabores exclusivos para os assinantes, por exemplo. Para garantir que eles não recebam pizzas de sabores que não gostam, é importante traçar um perfil dos clientes no momento da assinatura do serviço para que eles indiquem suas preferências.

5 → Hambúrguer

As hamburguerias conquistaram o paladar dos brasileiros nos últimos anos. Se antes os hambúrgueres eram comuns apenas em redes de fast food, agora eles têm seus espaços próprios, cardápios versáteis e vão desde as versões mais simples até as gourmet. Para tornar a experiência dos clientes ainda mais completa, os clubes de assinatura são uma boa pedida.

É possível oferecer descontos, combos exclusivos e mesmo vouchers para os assinantes usarem em compras não programadas pelo clube de assinatura. A periodicidade do envio pode ser definida de acordo com os hábitos de consumo de cada assinante.

Assim como nas outras sugestões, aqui também é interessante oferecer a possibilidade de pular ou adiantar uma entrega de acordo com a preferência do cliente e da sua estrutura logística.

6 → Vinhos

Os clubes de assinatura de vinhos são os mais populares dentre as opções relacionadas ao setor de alimentação. Para competir com a concorrência, é interessante investir nos diferenciais e nas vantagens oferecidas para os assinantes.

Você pode pensar em curadorias de vinhos temáticas ou de acordo com a estação do ano. Também pode oferecer sugestões de harmonização ou incrementar o envio com alimentos que possam ser consumidos junto com os vinhos.

Se o seu foco for o mercado local, também é interessante pensar em parcerias com restaurantes e oferecer descontos em pratos específicos que harmonizem com os vinhos recebidos pelos assinantes.

7 → Cerveja

Assim como os vinhos, as cervejas também têm consumidores fiéis, dispostos a investir em serviços que proporcionem experiências diferenciadas.

O seu clube de assinatura pode ter como foco cervejas especiais selecionadas e/ou de fabricação artesanal, fabricadas tanto localmente quanto produzidas ao redor do mundo.

Além das cervejas, você também pode investir em colecionáveis como copos, abridores, quadros e outros acessórios relacionados a esse universo. Você pode escolher os brindes de acordo com o plano assinado pelo cliente.

8 → Clube da carne

Que tal um clube de assinatura pensado para quem não dispensa um churrasco no final de semana? Este é um produto com ticket médio alto e que pode atrair consumidores que buscam cortes nobres por preços abaixo dos praticados no mercado.

Além da carne, o clube também pode oferecer vantagens como kits de temperos, dicas de preparo, revistas especializadas e brindes exclusivos.

9 → Comidas vegetarianas e veganas

As vantagens dos clubes de assinaturas também estão disponíveis para os vegetarianos e veganos. Aqui existem inúmeras possibilidades para agradar estes públicos, desde refeições pré-prontas ou porcionadas (em que o cliente recebe os ingredientes e prepara a receita em casa) até snacks, pães, leites vegetais e diversos outros produtos.

Em clubes com este foco, o assinante não apenas conta com a conveniência de receber em casa produtos que nem sempre são fáceis de achar nos supermercados como também conhecem novas marcas, tipos de produtos e lançamentos do segmento.

10 → Restrições alimentares

A dificuldade de encontrar produtos específicos também existe para quem tem restrições alimentares. Este é um nicho de consumidores que costuma ser muito fiel às marcas e aos produtos que escolhe, o que é um prato cheio para quem deseja investir em clubes de assinatura.

Oferecer variedades de produtos específicos para cada tipo de restrição é uma grande vantagem para o negócio. Além disso, é interessante investir no relacionamento com os assinantes, o que pode ser feito através de brindes, sugestões de receitas e conteúdos focados em saúde e bem-estar.


Leitura complementar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *