Ideias de delivery 2020

Ideias de delivery 2020: 15 tendências para o setor de entregas

O mercado de delivery no Brasil pode chegar a 500 milhões de pedidos por mês, há muitas oportunidades e para você entrar neste separamos as principais ideias de delivery para 2020.

tempo de leitura: 6 minutos


O perfil do consumidor mudou. Junto com ele, cresceu também o uso de dispositivos móveis, a integração entre online e offline e a procura por soluções que facilitem o dia a dia. Todos esses fatores impactam na forma como consumimos — prova disso é o crescimento expressivo do segmento de delivery.

Dentro do segmento, o setor de alimentação é um dos que mais se destaca. Somente a Delivery Much cresceu 100% no número de pedidos entregues em 2019 e de 120% no número de novos usuários. A aposta para 2020 é ainda mais otimista.

E para você aproveitar as oportunidades que o delivery proporciona para impulsionar seu negócio ou investir em um novo empreendimento, confira abaixo 15 tendências para o setor.

MENU DE NAVEGAÇÃO


1 → Cuidados com embalagens
2 → Aposte em comidas saudáveis
3 → Imersão digital
4 → Pagamento online
5 → Experiência do cliente
6 → Foco no atendimento local
7 → Invista em uma comunicação omnichannel
8 → Delivery de Comida
9 → Delivery de farmácia
10 → Delivery de Supermercados
11 → Delivery de Lavanderia
12 → Delivery de Conveniência
13 → Delivery de Documentos
14 → Assinatura de delivery
15 → Delivery de produtos para pet



1 → Cuidados com as embalagens

A forma como encaramos as embalagens mudou muito nos últimos anos. Se antes a expectativa era receber um produto envolvido em vários tipos de plásticos, hoje as embalagens sustentáveis ganham cada vez mais espaço. 

A sustentabilidade é uma tendência forte para os próximos anos em todos os setores. Assim, os consumidores já esperam que as marcas apresentem soluções menos agressivas e mais conscientes.

A dica aqui é trabalhar a criatividade, reduzir o impacto ambiental dos seus produtos e, de quebra, surpreender os seus clientes.

2 → Aposte em comidas saudáveis

A preocupação com a alimentação saudável já não é mais exclusividade de um pequeno nicho. Segundo pesquisa da Fiesp, 71% dos brasileiros se preocupam com a escolha e a origem dos alimentos que consomem, o que representa oportunidades para quem investe no setor alimentício.

A dica é: inove no formato e no tipo de produto para conquistar seus clientes. Você pode trabalhar com alimentos congelados ou pré-prontos, refeições orgânicas, opções diet e light, sobremesas com redução de açúcares, e estas são apenas algumas opções.

Por outro lado, se você já trabalha no setor de alimentos, pode utilizar a sua estrutura e ampliar as suas opções. Isso pode ajudar tanto na aquisição de novos clientes quando na fidelização daqueles que já consomem os seus produtos.


Leitura complementar:


3 → Imersão digital

O digital é parte da rotina da grande maioria dos brasileiros, mas nunca é demais lembrar que o seu negócio precisa estar inserido nesse universo. Não é exagero afirmar que: se um negócio ainda não tem presença digital, ele não existe para muita gente.

Isso não significa que não há mais espaço para empreendimentos físicos, pelo contrário: eles não só podem coexistir com os negócios digitais, como podem se beneficiar desse meio para crescerem.

A dica é: pesquise e busque entender como o seu cliente se insere no mundo digital e aproveite esse espaço para impulsionar o seu negócio.

4 → Pagamento online

Por conta dessa imersão no mundo digital, a busca por soluções que facilitem os processos do dia a dia só aumenta. Nosso tempo é precioso, e toda ferramenta que venha para otimizá-lo é sempre bem-vinda.

Nesse contexto, oferecer opções de pagamento online para seus clientes é uma estratégia válida não apenas para negócios digitais mas também para empreendimentos tradicionais. Elas possibilitam a simplificação do processo de compra, além de atraírem clientes que buscam mais agilidade e segurança.

Logo, busque ir além das tradicionais maquininhas de cartões de crédito e pesquise soluções que sejam acessíveis e façam sentido para os seus clientes. Aplicativos de pagamento como o PicPay são um bom exemplo.

5 → Experiência do cliente

A experiência do cliente com o seu produto ou serviço deve ser o norte do seu negócio. Vá até ele, ouça o que ele tem a dizer e aplique esses conhecimentos no seu produto/serviço e nos seus processos.

Você conquista a lealdade dos seus clientes quando entrega conveniência, funcionalidade e demonstra que realmente ouve o que eles têm a dizer.

6 → Foco no atendimento local

O investimento no espaço físico do seu negócio também está diretamente ligado à experiência que o seu cliente terá com a sua marca. Mas o seu foco deve ir além de um ambiente bem planejado: é preciso definir estratégias para atender às múltiplas demandas do cliente.

Então, dedique-se a aprimorar seus produtos e serviços, e saiba aproveitar oportunidades.

Se o seu negócio for um restaurante, por exemplo, não se limite ao cardápio de sempre e invista em novidades sazonais. Observe os interesses do seu público e busque inserir o seu negócio em sua comunidade. E, é claro, preze pela excelência no atendimento se quiser que o seu cliente volte e indique o seu negócio.

7 → Invista em uma comunicação omnichannel

A comunicação omnichannel acontece quando a empresa consegue conectar plenamente os seus canais online e offline. Com os dados interligados, o consumidor consegue, por exemplo, comprar um produto no aplicativo de uma marca estando dentro da loja física dessa marca.

Esse é um sistema ainda muito precário em muitos negócios. Quantas vezes você já foi a uma loja física, pronto para comprar um produto disponível na loja online, mas percebeu uma separação clara entre elas? Como se o online e o offline não pertencessem à mesma marca?

Os consumidores anseiam por soluções que usem dados e integrações a fim de facilitar o processo de compra ao máximo, o que torna a comunicação omnichannel a ferramenta ideal para estreitar o relacionamento com clientes e possibilitar uma experiência completa.


Ideias de delivery para você colocar em prática

8 → Delivery de Comida

O delivery de comida é um prato cheio para quem empreende no segmento de alimentação. A praticidade somada à rotina corrida da maioria dos brasileiros fazem com que soluções do tipo cresçam ano após ano. 

Segundo um estudo da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), o número de pedidos via aplicativo de delivery soma em torno de R$ 1 bilhão a cada mês no Brasil. Isso faz com o que o setor movimente sozinho um montante em torno de R$11 bilhões.

Seja trabalhando exclusivamente com delivery, seja investindo na solução como forma de impulsionar o seu negócio, vale a pena estudar as vantagens do modelo e garantir a sua fatia do mercado.


Conheça mais o mercado de delivery


9 → Delivery de farmácia

Quem nunca precisou de um remédio e pediu uma tele-entrega para receber em casa por não conseguir se deslocar até a farmácia? Contar com a opção de delivery é uma estratégia para fidelizar esses clientes.

Além da praticidade, você também oferece uma experiência completa e segura para o cliente, diminuindo as chances de hesitação diante de uma próxima compra.

10 → Delivery de Supermercados

Para muitos consumidores, a visita rotineira ao supermercado não é uma tarefa agradável. Contar com um serviço próprio de delivery torna essa tarefa muito mais simples e prática para o consumidor.

O dono do negócio, por sua vez, tem acesso a dados referentes aos hábitos de consumo e preferências de seus clientes, o que possibilita uma experiência diferenciada (imagine avisar o seu cliente que está na hora de fazer as compras do mês ou sugerir produtos que o sistema entende que ele precisa repor?).

A solução é interessante tanto para quem está à frente de um supermercado quanto para quem quer tê-lo como fornecedor parceiro.

11 → Delivery de Lavanderia

Lavar roupas é uma atividade comum e recorrente que apresenta um grande potencial quando se trata de delivery. Além da falta de tempo para realizar a tarefa, nem todo mundo tem espaço para uma máquina de lavar em casa, e acaba recorrendo às lavanderias tradicionais, que cresceram 6,8% em 2019.

Como todas as soluções que facilitam a rotina dos clientes, o delivery de lavanderia tem grandes chances de fidelização.

12 → Delivery de Conveniência

As conveniências são a salvação para quando precisamos de itens de supermercado de forma rápida e em horários não convencionais. O público desse tipo de negócio quer praticidade, característica principal dos aplicativos de delivery.

13 → Delivery de Documentos

A entrega de documentos ainda é um serviço que gera insegurança em muitas pessoas. Como são documentos sensíveis, requerem um prestador certificado, que ofereça a garantia de que tudo vai ser entregue de forma segura e responsável.

A partir dessa dor dos clientes, é possível identificar uma oportunidade de negócio para quem quer apostar no delivery. Há espaço no mercado tanto para quem deseja prestar serviços B2B quanto para quem quer intermediar o contato entre a empresa que fornece o documento e o cliente final.

14 → Assinatura de delivery

Os clubes de assinatura de delivery tem se tornado muito comuns nos últimos anos. A empresa lucra com a periodicidade de pagamento do assinante, que se beneficia com a comodidade de receber seus produtos em casa.

Esse modelo funciona para inúmeros segmentos, como assinaturas de livros, vinhos, temperos, cervejas artesanais e produtos de higiene. É uma solução válida tanto para quem já tem um negócio próprio e deseja realizar vendas recorrentes quanto para quem planeja trabalhar com fornecedores parceiros.

15 → Delivery de produtos para pet

Por fim, o delivery de produtos para pets é uma solução promissora, que tem tudo para conquistar clientes fiéis. O mercado de produtos e serviços para animais de estimação é certeiro e cresce a cada ano, tendo o Brasil como um dos países com maior população de animais de estimação em todo o mundo: no ano passado, a soma atingiu 139,3 milhões segundo a Abinpet.

Os donos de pets não medem esforços na hora de investir no bem-estar e na saúde dos seus amigos. Desse modo, produtos de higiene, alimentos, brinquedos e medicamentos são boas opções para se investir no delivery, já que são itens de consumo recorrente. 

Estas são algumas ideias de um mercado milionário, que cresceu 33% e apenas no setor de alimentação entregou mais de 535 milhões de pedidos em 2019.

Conheça mais sobre este mercado navegando nos conteúdos do blog:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *